sexta-feira, 6 de junho de 2014



Bom, mais um dos contos de Mia Couto,com o nome:
"A Viagem da Cozinheira Lagrimosa"
Essa história conta um pouco sobre a vida de um sargento e sua cozinheira negra,que ambos os dois tinham certos 

problemas com o decorrer da sua vida.

Grupo: Antílope

terça-feira, 3 de junho de 2014



Bom,um dos contos que eu lí,foi o conto do autor Mia Couto "A menina sem palavra".É muito bonito,conta a história de uma menina que nao fala 
 muito bem e seu pai quer a ajudar,
até que um dia...
Isso vocês vão ter que ver,entre no endereço abaixo:


http://www.recantodasletras.com.br

Grupo Adaezas

segunda-feira, 2 de junho de 2014

Mais um dos contos que eu li foi o de Mia Couto "Rosa caramela".É bem interessante,fala um pouco sobre a história de uma senhora que foi largada no altar,e dai em diante começou a cuidar de esculturas como se fossem humanos.
No endereço abaixo tem um resuminho da história:

http://inovatorius.wordpress.com/

Dayanne grupo:Adaezas

domingo, 1 de junho de 2014

Imagens



Hoje postei imagens e um vídeo de personagens de episódios de vídeos que contam histórias da África chamada "Tinga tinga", interessante por sua cores vibrantes e também para quem sabe inglês.
Luíz - Gnu

quinta-feira, 29 de maio de 2014

RELATO DO VIDEO

Hoje eu fiz a postagem do video da africa , pois tem vários animais.
POSTAGEM:Beatriz Fonseca \AFRODESENDENTES

relato :elefantes

Hoje , eu fiz a postagem do elefante , pois é um  animal lindo e muito interessante , ele é um animal conhecido por todo o mundo !
POSTAGEM :Beatriz Fonseca \AFRODESCENDENTES .

hipopotamo ; relato

hoje , eu postei no blog o hipopotamo , pois ele é bem interessante e vive na africa.
POSTAGEM : Beatriz Fonseca \ afrodescendentes

leopardo : relato da postagem

hoje , eu postei o leopardo no blog poi ele é muito interessante e rapido , tambem é lindo.
POSTAGEM:Beatriz Fonseca Rocha \ afrodescendentes

relato do leão africano

Hoje eu postei o leão , pois ele é muito rapido e bonito.
POSTAGEM: Beatriz Fonseca \ afrodescendentes

relato postagem do animal girafa

Hoje , eu postei no blog um animal muito conhecido por todo o pais , a girafa . Postei pois acho um dos animais mais bonitos , a maioria das girafas vivem na Africa
POSTAGEM:Beatriz Fonseca Rocha \ Afrodescendentes

postagem do animal guepardo

hoje , dia 29/ 5 , eu fiz uma postagem sobre o animal guepardo porque ele é um animal muito bonito e diferente .
POSTAGEM :Beatriz Fonseca Rocha \ GRUPO : Afrodescendentes.

postagem sobre trabalho

 A nossa professora  de português, fez um trabalho muito interessante com a gente , ela deu contos para a gente ler e fazer análise em grupos , foi muito legal . Depois nós resolvemos apresentar no power point , o que eu achei mais interessante foi os autores que fizeram os contos , como : Mia Couto , José Eduardo Agualusa... (etc) , eu acho que eles são grandes autores , eles fazem lindos contos .
POSTAGEM : Beatriz Fonseca Rocha \ GRUPO: afrodescendentes \ 6ª A

quarta-feira, 28 de maio de 2014

"Sobre A Àfrica"

A África do Sul é um país ensolarado e de contrastes. Rico em diversidade cultural, étnica e em recursos naturais. É o principal produtor mundial de ouro e possui inigualáveis parques para safáris. As reservas naturais, as paisagens exuberantes e as praias são as principais atrações turísticas.Resolvi postar porque achei importante!! GRUPO:Afrodescendente POSTAGEM:Gabriella

"O Elefante Africano"

Elefantes Africanos São os maiores mamíferos vivos em terra e, normalmente, criaturas dóceis. Os comportamentos dos elefantes africanos são motivados, principalmente, por três fatores: alimentação, integração social com outros elefantes e evitar perigos. Os elefantes possuem um complexo sistema social e comunicam-se entre si através de sinais visuais, sinais táteis e um vasto repertório de sons. Comem durante cerca de 16 horas por dia e dormem durante três ou quatro horas. Estima-se que existam cerca de 500 mil elefantes vivendo em liberdade, a grande maioria em áreas protegidas. Sua existência tem sido ameaçada pelos caçadores de marfim e a redução de seu habitat pelos humanos. Os elefantes são os únicos sobreviventes de mais de 600 espécies gigantescas que habitaram a Terra há milhões de anos: os proboscídeos africanos. Deles descenderam também os mamutes e os mastodontes que chegaram até as Américas do Sul e do Norte. A espécie africana (loxodonta africana) é maior em tamanho que a indiana, ou asiática (elephas maximus). GRUPO:Afrodescendente POSTAGEM:Gabriella

terça-feira, 27 de maio de 2014

"Conto Zambézia"

No dia 25/04/2014 assisti um filme chamado:Zambezia contava uma historia de um falcão chamado Kai o sonho dele era se forma num furacão (os falcãos mais veloz de Zambezia)eles protegiam a cidade contra ataques de marabous e de um largato.La kai encontra uma passarinha(Falcão) chamada Zoe que se entra em grandes emboscadas e confusões com o Kai... GRUPO:Afrodescendente POSTAGEM:Gabriella

"A História Da Àfrica"

História da África A África tem como característica a diversidade cultural e sua História está bastante ligada à História do Brasil. Os africanos, que foram trazidos para nosso país como escravos, entre os séculos XVI e XIX, enriqueceram a cultura brasileira com seus costumes, rituais religiosos, culinária, danças etc. Somente no século XIX, com o movimento abolicionista, os negros ganharam a liberdade com a assinatura da Lei Áurea (1888). O continente africano é um território banhado pelo Oceano Atlântico, pelo Mar Mediterrâneo e pelo Oceano Índico, onde provavelmente surgiram os primeiros seres humanos. Os mais antigos fósseis de hominídeos foram encontrados na África e têm cerca de cinco milhões de anos. Esse tipo de hominídeo, que habitava o sul e o leste da África, há cerca de 1,5 milhão de anos evoluiu para formas mais avançadas: o Homo habilis e o Homo erectus. O primeiro homem africano, o Homo sapiens, data de mais de 200.000 anos. O Egito foi provavelmente o primeiro estado a constituir-se na África, há cerca de 5000 anos, mas muitos outros reinos ou cidades-estado foram sucedendo-se neste continente, ao longo dos séculos. Além disso, a África foi, desde a antiguidade, procurada por povos de outros continentes, que buscavam as suas riquezas como sal e ouro. A atual divisão territorial da África, no entanto, é muito recente – de meados do século XX – e resultou da descolonização européia. No fim da década de 70, quase toda a África havia se tornado independente. Os jovens Estados africanos enfrentam vários problemas básicos, como o desenvolvimento econômico, o neocolonialismo e a incapacidade de se fazerem ouvir nos assuntos internacionais. A maioria dos Estados africanos é considerada parte do Terceiro Mundo. GRUPO:Afrodescendente POSTAGEM:Gabriella 6a

terça-feira, 20 de maio de 2014

segunda-feira, 19 de maio de 2014

relato da postagem do lagarto aficano

Hoje , eu fiz a postagem de um lagarto africano , conhecido como : Lagartixa Dentuça . Eu achei esse animal muito diferente dos outros lagartos , por isso , eu resolvi postar .
POSTAGEM: Beatriz Fonseca Rocha \ GRUPO : Afrodescendentes .


relato da postagem do animal : Gorgulho Girafa .

Hoje , eu fiz a postagem de um inseto africano muito legal , chamado , gorgulho girafa , é o inseto mais diferente e exótico que eu já vi , por isso , resolvi postar .
POSTAGEM : Beatriz Fonseca Rocha \ GRUPO : Afrodescendentes .

relato da postagem do camaleão ¨especial¨(animal africano)

Hoje , dia 19 \ 05 , eu fiz  a postagem de um animal africano conhecido como: camaleão especial , eu achei esse animal muito bonito e diferente , por isso , eu postei ele no blog .
POSTAGEM :Beatriz Fonseca Rocha \ GRUPO : afrodescendentes .

relato da postagem do menor Camaleão do mundo (africano)

Hoje , dia 19 /05 /14 , eu fiz a postagem do animal  Brookesia micra , o menor camaleão do MUNDO ! Ele foi descoberto em fevereiro de 2012 . Eu achei ele um animal muito interessante e resolvi postar .
POSTAGEM: Beatriz Fonseca Rocha \ GRUPO : Afrodescendentes .

relato da postagem do animal : Rato-Lemuriano

Hoje , dia 19\05\14 , eu fiz uma postagem do animal rato lemuriano , eu posteiesse animal , pois acho ele muito interessante , diferente , e fofo .
POSTAGEM :Beatriz Fonseca Rocha \ GRUPO : Afrodescendentes .

relato do conto : o cagádo e o lagarto...

Hoje , dia 19\05\2014 , eu fiz a postagem de um conto africano , esse conto fala de um lagarto que se arrepende de ter roubado a comida do cágado , pois o cágado iria dar a comida para seus filhos .
POSTAGEM: Beatriz Fonseca Rocha \ Grupo : Afrodescendentes .

relato do conto a gazela , o caracol e a espertesa

 Hoje , dia 19 \ 05\14 , eu postei um conto no blog muito interessante que  fala de uma gazela e um caracol , esse conto ensina que sempre vence quem é mais esperto .
POSTAGEM : Beatriz Fonseca Rocha \ GRUPO : afrodescendentes .

quinta-feira, 15 de maio de 2014

Relato: Glossário.

Hoje 15, eu fiz algumas postagens no glossário. Contém algumas palavras que são usadas no Brasil, porém de origem africana. Outras do vocabulário africano.
Realmente é interessante, palavras que nós ouvimos todos os dias e nem sequer sabemos o real significado.

Lorrany Alves - 6ª A

quarta-feira, 14 de maio de 2014

RELATO DA LEITURA DO CONTO´´A MENINA DO FUTURO TORCIDO``


        Hoje,eu li a historia ``A Menina do Futuro Torcido`` que fala sobre Joseldo Bastante,que tinha doze filhos e ouvia muitas conversas.Um dia ele ouviu sobre um contorcionista que estava na cidade e estava ganhando muito dinheiro.
     Ele pensou nos doze filhos e pensou que futuro eles teriam e decidiu que Filomeninha seria contorcionista.
    Ela começou as ginasticas. Para acelerar os preparos,Joseldo ordenou que ela dormisse amarrada em um bidão de gasolina e quando ela acordava ele jogava água quente em Filomeninha para seus ossos ficarem moles.
    Filomeninha ficou doente,com dores,tonturas e um tempo depois passou a vomitar.o empresario demorou para chegar e a cada dia ia piorando mais,assim,quando o empresario chegou ela quase não ficava em pé.
   Foram conversar com o empresario mas ele não contratava mais contorcionistas porque não provocavam sensação,agora ele estava contratando homens com dentes de aço.
     


 GRUPO: KHALIL                 SAMYRA 


As meninas nigerianas sequestradas

                                     As  meninas nigerianas sequestradas



Mas, primeiro, ainda há a difícil missão de procurar pelas meninas. Cerca de 200 militantes teriam participado do ataque e o grupo Boko Haram assumiu a autoria do sequestro.

Acredita-se que as jovens tenham sido divididas em grupos menores, espalhados pela região da floresta de Sambisa, uma mata densa que tem 60 mil quilômetros quadrados.

O envio de uma equipe pequena dos EUA não vai mudar totalmente a situação, mas é mais do que uma medida cosmética, segundo Richard Downie, vice-diretor do Programa Africano do Centro de Estudos Estratégicos Internacionais (CSIS). A medida visa corrigir falhas das forças de segurança nigerianas que, não têm conseguido evitar os ataques devido à falta de coordenação e troca de informações.

  
Menina que conseguiu escapar deu informações sobre o sofrimento no cativeiro. Mais de 200 garotas ainda estão em posse dos sequestradores
Uma das meninas sequestradas na Nigéria no último dia 14 de abril, supostamente pelo grupo islâmico Boko Haram, conseguiu escapar e denunciou que as reféns são vítimas de até 15 estupros por dia, segundo o portal local The Trent.
Após serem sequestradas em uma escola de Chibok, no nordeste da Nigéria, as crianças (dezenas das quais seguem em cativeiro) foram levadas a um campo da milícia fundamentalista na floresta de Sambisa, no estado de Borno, no norte do país e base espiritual e de operações do grupo.
As mais de 200 garotas, segundo organizações de direitos humanos, foram forçadas a se casar com seus sequestradores e, em alguns casos, vendidas a menos de R$ 30.
#BringBackOurGirls
Entidades como a ONU e personalidades como o prêmio Nobel de Literatura nigeriano Wole Soyinka pediram a libertação das meninas, assim como campanhas pela internet, usando a hasthag #BringBackOurGirls (tragam de volta nossas garotas), e manifestações em cidades de todo o mundo.
Um grupo de mães das reféns protestou recentemente em frente à Assembleia Nacional da Nigéria para denunciar a falta de informação por parte do governo sobre o caso e exigir mais esforços para o resgate.
Boko Haram
É uma expressão que significa "a educação ocidental é pecado".  
                                                                             retirado do bbc jornal da nigeria
Cesar augusto 6°a

terça-feira, 13 de maio de 2014

IMAGEM

                                         IMAGEM

HOJE FIZ UMA PEQUENA POSTAGEM DE UMA IMAGEM SOBRE A VIDA SELVAGEN AFRICANA 

KAUAN 
ORIX 

IMAGEM

                                               IMAGEM
HOJE DIA 13/05/14 EU KAUAN BALEEIRO FIZ UMA PUBLICAÇÃO DE UMA IMAGEM QUE TRATA DO TRABALHO INFANTIL E DA FOMA DA AFRICA 

KAUAN 
ORIX
 

imagen

                               IMAGENS DA AFRICA 

HOJE NO DIA TREZE DO CINCO DE DOIS MIL E QUATORZE AS SEIS HORAS E DOIS MINUTOS EU KAUAN BALEEIRO COLOQUEI UMA NOVA PUBLICAÇÃO NO BLOGGER ERA UMA IMAGEM TRATANDO DAS CULTURAS AFRICAS NÃO DE TODAS ESPERO QUE GOSTEM OBRIGADO 

KAUAN
ORIX

quinta-feira, 8 de maio de 2014

RELATO
Hoje dia 08/05/2014, eu e o meu grupo postamos palavras africanas. Aprendemos novas palavras e descobrimos que algumas palavras do nosso cotidiano que nem sabíamos que tinha a origem africana.
DIK-DIK 6°B

terça-feira, 6 de maio de 2014

"Palavras Africanas"

Abadá - Veste branca ou de cor de mangas largas, usada pelo Yorubás. Abadô - Parte da vestimenta da Orixá Oxum. Abalô - Nome dado a Oxum quando brinca com o leque. Abará - Bolo feito com massa de feijão-fradinho, cebola, camarão-seco, sal, enrolado com folhas de bananeira e cozido no vapor de água quente. Abassá - Terreiro de Candomblé que segue os preceitos da nação Angola. Abatá - Sapato ou qualquer tipo de calçado. Abê - Tida como irmã gêmea de Badé, vodum feminino cultuado no Maranhão. Abebê - espelho usado por Oxum e Iemanjá. Abelê - leque usado por Oxum. Abiã - Pessoa que está nascendo para o culto. Abikú - Uma criança que morre logo após o parto para atormentar os pais, nascendo e renascendo indeterminadamente. Abiodun – Título de um dos Obás de Xangô. Abô - banho de proteção feito de ervas litúrgicas para o culto, concedido ao iniciado. Abomi - Um dos nomes atribuídos a Oxum e a Xangô, em cultos ligados a água. Abomi quer dizer ao Orixá: aceite água. Acarajé - comida ritual da Orixá Oyá-Iansã. Na África é chamado de àkàrà, enquanto je significa comer. No Brasil foram unidas as duas palavras acara-je. Acaçá - é uma comida ritual do candomblé e da culinária baiana. Feito com milho branco ou milho vermelho. Todos Orixás recebem o Acaçá como oferenda. Adarrum - Toque do Orixá Ogum. Adarrun - Toque rápido e contínuo dos atabaques para chamar os Orixás nas cabeças dos filhos de santo; para forçar os deuses a descer. Adé - Homem com trejeitos femininos, homem afeminado. Adiê – Galinha preparada para sacrifício aos Orixás. Adjá - sino de alumínio ou cobre de três bocas. Ado - é uma Comida ritual feita de milho vermelho torrado e moído em moinho e temperado com azeite de dendê e mel, é oferecido principalmente à Orixá Oxum. Adobalé - Nome dado ao ato de deitar-se no chão para ser abençoado pelo Orixá. Adoxu - estado em que o iniciado já pode incorporar o orixá. Adun - Comida de Oxum feita com milho torrado e moído, com um pouco de azeite de dendê e mel de abelhas. Adupê - Bode. Afoman - Um dos nomes do Orixá Omulu, em Candomblés baianos. Deriva de Afomó: contagioso, infeccioso Afejewe - início da raspagem do iaô. Afoxé - é um instrumento musical composto de uma cabaça pequena redonda, recoberta com uma rede de bolinhas de plástico parecido com o Xequerê sendo que o afoxé é menor. Afoxé - é um ritmo do Candomblé. Afoxé - também chamado de Candomblé de rua - é um cortejo de rua que sai durante o carnaval de Salvador, Bahia. Agodô - Umas das qualidades de Xangô no Brasil. Agogô - é um instrumento musical de metal usado no candomblé. O nome vem de akokô, palavra nagô que significa "relógio" ou "tempo", assim como um som extraído de um instrumento metálico. Compõe-se de dois pedaços de ferro, um menor que outro, ou dois cones ocos e sem base, de tamanhos diferentes, de folhas de flandres, ligados entre si pelos vértices. Águas de Oxalá - Cerimônia de purificação do terreiro. Esta Cerimônia marca o início do ciclo de festas litúrgicas nos Candomblés de origem Yorubá e Jeje no Brasil. Agué - Nome de um vodum Jeje, que corresponde ao orixá Ossain. Aguerê - Dança de Iansã. Agueré – Toque cadenciado com 2 variações: uma para Oyá, outro para Oxóssi. É conhecido como “quebra-pratos”. Aguidavi - são varetas utilizadas para a percussão dos atabaques no candomblé. São confeccionadas com pequenos galhos das árvores sagradas do candomblé. Seu uso é restrito aos rituais. Aiê - A terra, o solo, sob o domínio de Obaluaiê. Airá - Xangô velho – Uma das qualidades de Xangô. Aisum - Ritual a que o iaô se submete na véspera da cerimônia de iniciação que consiste em jejuar e passar a noite em claro. Aiuká - Fundo do mar, para o povo Banto. Ajapá - Cágado, tartaruga. O animal sagrado de Xangô. Ajé - Feiticeira Akã - Faixa usada para amarrar no peito dos médiuns incorporados. Akepalô - Sacerdote. Akessan - Um dos nomes do Orixá Exú. Akikó - Galo Akirijgegbó – Freqüentador do Candomblé. Akokem - Galinha D’angola. Akukó - O mesmo que Akikó - Galo. Alá - Deus para os daomeanos da nação Jeje. Alabéê – Tocador de tambores líder no terreiro. Aquele que canta pontos de Candomblé. Aladori - pano amarrado à cabeça. Alafange - Objeto semelhante a uma espada. Alafim - Uma das qualidades de Xangô. Alagbê - É o Ogan responsável pelos toques rituais, alimentação, conservação e preservação dos instrumentos musicais sagrados Atabaques. Nos ciclos de festas é obrigado a se levantar de madrugada para que faça a alvorada. Se uma autoridade de outro Axé chegar no terreiro, o Alagbê tem de lhe prestar as devidas homenagens. Alaketo - Nação do povo Iorubá-Nagô. Alapini - é o Sacerdote Supremo do Culto aos Egungun, o atual Alapini no Brasil é Mestre Didi Axipá, presidente da Sociedade Cultural e Religiosa Ilê Axipá. Alibã - Polícia. Alojá - A dança do ritual de Xangô. Aloyá - Senhora Oyá. O mesmo que Iansã ou filho de Oyá. Aluá - Bebida feita com farinha de milho ou de arroz, fermentada em água com cascas de frutas, gengibre e um pouco açúcar. É servida nos terreiros de Candomblé, principalmente aos caboclos. Aluaiê - Nação Jeje – Angola Alubosa - Cebola Alufam - O mesmo que olufóm, Senhor da cidade de Ifóm, a que mais cultua Oxalá. Alujá - Batida de tambor especial para Xangô. Amalá - é comida ritual do Orixá Xangô. É feito com quiabo cortado, cebola ralada, pó de camarão, sal, azeite de dendê ou azeite doce. Amobirim - Mulher que não casou , mulher solteira. Amorim - pano virgem. Ana – O mesmo que ontem. Anamburukê - Um dos nomes de Nanã Burukê, a mais velha de todos os Orixás. Angola - Região do sudoeste da África, de onde vieram negros escravos para o Brasil, trazendo vários dialetos de origem Bantu como Kimbundo, Embundo, Kibuko e Kikongo. Angorô - Na nação angola, significa qualidade de Oxumarê. Aôboboi - Saudação do Orixá Oxumarê. Apaoká - Orixá da jaqueira, por ser muito cultuado nela. Apará - Uma das qualidades da Orixá Oxum, quando se apresenta carregando uma espada. Aré - Culto ao orixá Ogum na Nigéria. Arê - Ruas e Encruzilhadas. Aress - Um dos 12 ministros de Xangô. Ariaxé - Banho ritual com folhas sagradas para os iniciados. Ariaxé também é o nome do local onde são feitos estes banhos. Aridã - Fruto do qual se origina o Obi. Arrobobô - Uma das saudações do Orixá Oxumarê. Aruquerê - Objeto de metal usado por Oxóssi. Anlodo - caminhada ritualística do iniciado. Assentamento - recipiente onde se assenta a força dinâmica do orixá. Assogba - Supremo sacerdote do culto de Obaluaiyê. O nome significa "consertador de cabaças", em iorubá. Atabaque - De origem africana, usado em quase todos rituais afro-brasileiro, típico do Candomblé e da Umbanda e de outros estilos relacionados e influenciados pela tradição africana. De uso tradicional na música ritual e religiosa, empregados para convocar os Orixás. O atabaque maior tem o nome de RUM o segundo tem o nome de RUMPI e o menor tem o nome de LE. Axé - força invisível, mágica e sagrada. Babalaô - baba, pai; aô, completo, tudo; "um pai para tudo". Bori - cerimônia destinada a "reforçar a cabeça" do iniciante. Brajá - colar de búzios com aparência de escamas de serpente utilizado por Oxumaré. Búzios - conchas cônicas utilizadas para adivinhação. Candomblé - casa onde batem os pés." Seita afro-brasileira com centenas de adeptos no Brasil. Cauris - búzios. Contra-egum - trança feita de palha-da-costa que, amarrado no braço do iaô, tem a função de afastar os mortos. Curas - espécie de tatuagens desenhadas na cabeça e em algumas partes do elegum no ritual de iniciação. Dobale - tipo de reverência do iniciado se o Orixá protetor for do sexo feminino. Ebó - ritual destinado a afastar os elementos desordeiros indicados pelo desequilíbrio do iniciado. Efum - espécie de giz branco utilizado no rito de iniciação para marcar o corpo do elegum e também nos assentamentos. Egum, egungum - Espírito de pessoa morta que retorna à Terra em certos rituais. Segundo a tradição, é uma espécie de orixá individual que todo o ser humano tem; ele deve ser bem tratado pois é um ancestral do iaô. O culto é proibido às mulheres. A Iyagan é a única sacerdotisa que pode participar do culto. Ejé - sangue derramado na cerimônia de iniciação. Elegum - eleito, preferido do orixá. Eni - esteira feita de uma palha trançada, onde os iniciados dormem até o complemento das obrigações. Epó - azeite-de-dendê. Erê -espírito de (ou sob a forma de) criança que prepara o iaô para receber seu orixá. Erukerê - rabo-de-cavalo usado pelos reis, característico de Oxossi. Feitura de santo - iniciação ou processo em que os duplos sobrenaturais dos elementos psíquicos da pessoa são fixados em um objeto simbólico e sua contraparte é fixada na cabeça do iniciado. Ibá (Igbá) - bacia utilizada na cerimônia de iniciação do iaô-elegum. Ibiri - instrumento ritual de Nanã representado por um feixe de palitos de dendezeiro ornado com búzios. Idés - pulseiras Ifé - vasto; cidade nigeriana, capital religiosa iorubana. Igbim - espécie de caramujo. Iká - tipo de reverência do iniciado do sexo masculino. Ilá - som que o iniciado emite quando irradiado do orixá para que as pessoas saibam que o iaô está possuído irradiado. Ilê - casa. Irê - incisões feitas na cabeça do iniciado. Iroko - árvore considerada sagrada pelos iorubanos. Iruexim - instrumento ritualístico de Oxossi, representado por um rabo-de-cavalo. Iyó - sal. laô-elegum - filho-de-santo. lfá - Orixá da adivinhação e do destino, mensageiro do Deus Criador. Espécie de oráculo que leva seu nome. lgbo iku - floresta da morte. lya kekerê - "braço direito" da mãe-de-santo. Juntó, ajuntó - conjunto de forças dos Orixás do elegum. Kelê - colar de contas com as cores do orixá. Laguidibá - colar de Obaluaê feito de anéis de chifre de boi. Mãe-de-santo - na tradição nigeriana, pessoa apta a desvendar as respostas dos deuses através dos búzios. Também é o nome dado à pessoa que inicia e orienta o iaô. Mariwo - tipo de fibra de palmeira usada na confecção da roupa de Obaluaê. Nagôs - termo usado pelos franceses para designar os escravos que falavam o dialeto iorubá. Obatalá - "Deus do branco" que preside a cerimônia do efum. Criador dos seres humanos. Variante de Oxalá. Obi - fruto de uma palmeira africana, usado no candomblé na adivinhação ou como oferenda aos Orixás. Odu - caída dos búzios, resultado da jogada. Ofá - arco e flecha, instrumento-símbolo de Oxossi e Logum. Oga - camaleão. Ogã - padrinho do culto africano ou brasileiro. Pessoa que toca os atabaques sagrados (apenas os homens são ogãs). Okum - mar. Olodumaré - um dos nomes do Deus Supremo. Olofim, Olofim-Odudua - um dos nomes do Deus Supremo. Olokum - (okum, mar) deusa do Oceano, esposa de Odudua. Opelê-Ifá - tipo de colar aberto usado para adivinhação. Orixá de cabeça - o principal orixá da pessoa. Orukó - cerimônia de proclamação do nome. Orum - céu. Orumilá - (Orum, Céu; Alá, branco) Deus do Céu, Deus supremo. Osum - tipo de tinta derivada do urucum. Otá - pedra sagrada que contém parte do axé do Orixá. Oti - pinga, cachaça. Oxaguiã - forma jovem e guerreira de Oxalá. Oxalufã - forma velha de Oxalá. Oxé - machado de duas lâminas de pedra usado por Xangô. Oxetuá - búzio fechado. O nome deriva do orixá de mesmo nome, filho de Oxum e de Orumilá, uma qualidade de Exu (mensageiro). Oxum Okê - variante guerreira de Oxum. Pai-de-santo - ver mãe-de-santo. Paô - batidas de mãos ritmadas. Padê - O Padê de Exú é um ritual executado antes de qualquer cerimônia interna ou pública do Candomblé, Exú é sempre o primeiro a ser homenageado. Paxorô ou opaxorô - espécie de cajado utilizado por Oxalufã. Peji - altar Quizila - recusa de uma oferenda por um orixá. Ronkó - nome do quarto onde o iniciado permanece sem o contato do mundo profano até o término da sua iniciação. No ronkó também estão os (quartos) assentamentos dos orixás. Sacudimento - ritual de limpeza. Terreiro - lugar destino ao culto dos Orixás onde os adeptos cultuam seus deuses pessoais através de danças ritualísticas. Umbanda - religião afro-brasileira onde os seus integrantes cultuam entidades africanas sincretizadas aos santos católicos (chamados de encantados). Viração - incorporação. Waje - cerimônia onde a cabeça do elegum é pintada de azul-anil. Xaxará - espécie de vassoura de Obaluaê feita de folhas de palmeira, decorada com búzios. Zambi (Nzambi) ou Nzambi Mpungu - O Deus supremo e Criador nos candomblés de Nação Angola, equivalente à Olorun do Candomblé Ketu. Zelador-de-santo, zeladora-de-santo - ver pai-de-santo, mãe-de-santo (o mesmo que ialorixá). POSTAGEM:Gabriella GRUPO:Adaezas

"Relato sobre a Àfrica no Globo Reporter"

No dia 18/04/2014 assisti uma reportagem no Globo Reporter que falava sobre a vida selvagem na Africa e como os animais africanos sobreviviam.Eu achei muito interessante, pois falavam como os animais sobreviviam com a sede,fome e ataques contra outros animais por comidas.Alguns sobreviviam,mais outros morreram contra a seca e a fome na Africa.A Africa é o continente mais pobre de todo o mundo.La a grande maioria da população vive a linha da pobreza,sendo a fome e a miséria. Segundo dados da ONU, a cada minuto morrem 5 crianças africanas menores de cinco anos em decorrência da fome, por dia, podemos dizer que 7.200 crianças morrem de fome diariamente naquele continente. POSTAGEM:Gabriella GRUPO:Adaezas

Relato

Hoje dia 6/5 2014 , eu postei palavras africanas que  eu nunca tinha visto achei algumas muito interessante e outras que eu já    tinha visto mais não sabia o significado  achei muito legal ter postado essas palavras torço para poder postar muito mais coisas
Dik-dik: Pedro Matheus 6°b

segunda-feira, 5 de maio de 2014

relato das imagens do suricato e dos elefantes

hoje eu postei 2 imagens lindas de animais africanos : suricato e elefante , eu postei pois acho eles os aimais mais interessantes da africa .
POSTAGEM: Beatriz Fonseca Rocha \ GRUPO: afrodescendentes . 6ª A .

relato da imagem da girafa e da zebra ...

hoje eu postei uma imagem muito bonita , que tem 2 girafas e 2 zebras , eu achei essa imagem muito bonita e resolvi postar .
POSTAGEM : Beatriz Fonseca Rocha \ GRUPO: Afrodescendentes . 6ª A

relato da postagem dos costumes da africa do sul

Hoje , dia 5\5\14 , eu postei na pagina de curiosidades , os costumem da africa do sul , porque acho interessante saber a cultura do povo da africa do sul . oque eu achei mais interessante foi os esportes que eles praticam lá , como o : rugby , cricket e surf .
POSTAGEM : Beatriz Fonseca Rocha \ GRUPO : afrodescendentes .

domingo, 4 de maio de 2014

RELATO DA POSTAGEM DO ANIMAL : HIENA ...

Hoje , dia 4\5\14 , fiz uma postagem do animal : hiena , porque acho um animal muito esperto e legal .esse animal está em extinção .
POSTAGEM: Beatriz Fonseca Rocha . \ GRUPO: afrodescendentes \ 6ª A .

RELATO DA POSTAGEM DO ANIMAL : SURICATE

Hoje , di 4\5\14 , eu fiz a postagem do animal suricate , pois eu acho um dos animais mais interessantes da savana africana e ele aparece no filme : rei leão .
POSTAGEM: Beatriz Fonseca Rocha \ GRUPO : afrodescendentes \ 6ª A

RELATO DA POSTAGEM DO ANIMAL : LEOPARDO .

Hoje , no dia 4\5\14 , eu fiz uma postagem do animal : Leopardo , porque ele é muito rapido e muito bonito. POSTAGEM : Beatriz Fonseca Rocha \ GRUPO: afrodescendentes  \ 6ª A .

RELATO DA POSTAGEM DO ANIMAL ;CHACAL

Hoje , dia 4\5\14, eu fiz uma postagem do animal  chacal , pois ele é muito diferente , bonito e interessante .
POSTAGEM: Beatriz Fonseca Rocha \ GRUPO: afrodescendentes \ 6ªA .

terça-feira, 29 de abril de 2014

domingo, 27 de abril de 2014

Relato da leitura do conto"A Luavezinha"

Relato da leitura do conto"A Luavezinha"
   
   Hoje eu fiz a leitura do conto "A Luavezinha",que fala sobre a Rita

PALAVRAS AFRICANAS

  RELATO 

HOJE DIA 27/04/2014 POSTEI PALAVRAS AFRICANAS,NO BLOG, COM SIGNIFICADOS BRASILEIROS. FOI LEGAL PESQUISAR POIS CONSEGUI SABER SIGNIFICADOS QUE EU NÃO SABIA COMO: BAGUNÇA EU NÃO SABIA QUE ERA UMA PALAVRA AFRICANA.


Dik-dik: Giovanna

PALAVRAS DE A ATÉ J

Relato:

Hoje dia 27/04/2014, eu postei algumas palavras africanas desde a letra A até a letra J. Aprendi palavras novas, e descobri algumas palavras que usamos aqui que eu não sabia que tinha origem africana, como o fubá que é a farinha de milho, cafuné que é carinho e muitas outras palavras.
Dik-dik: Bruna

sexta-feira, 25 de abril de 2014

Relato do conto : O gato e o rato

Hoje, dia 24/4/14 , eu postei um conto que fala sobre como o gato e o rato se tornaram inimigos , no fim do conto o gato estava morrendo de fome e só tinha o rato para ele comer , mas o rato falou que estava ¨muito sujo¨ e tinha q se lavar , o rato nunca mais voltou , até hoje o gato ainda esta esperando ele .
POSTAGEM : Beatriz Fonseca Rocha / GRUPO: Afrodescendentes 

Relato do conto : O corvo , o coelho e a amizade

Hoje , dia 25/4/14 postei um conto que fala de um corvo e um coelho que eram amigos mas brigam porque o coelho fez uma brincadeira de mal gosto com ele.
POSTAGEM: Beatriz Fonseca Rocha / GRUPO:afrodescendentes .

AFRICA HISTORIA


                                                 AFRICA... história


       EU HOJE FIZ UMA POSTAGEN SOBRE HISTORIA GERAL DA AFRICA LEIAM


KAUAN
ORIX






Minidicionario Africano


                              MINIDICIONARIO AFRICANO



Hoje eu fiz uma grande postagem sobre as palavras africanas achei interessante que existem várias palavras que usamos no nosso dia a dia e nem imaginamos que são de origem africana. Vale apena ver em página "Informações".




GRUPO:ORIX

PUBLICAÇÃO:KAUAN

Relato sobre o filme : ZAMBÉZIA

Ontem , dia 25/4/14 , eu e a minha turma 6ªA assistimos o filme : ZAMBÉZIA . Fala sobre um passáro que se muda para um lugar chamado Zambézia , para ser um ¨furacão¨ (passáro que cuida e protege Zambézia ).
O que ele não sabe , é que sua mãe morreu lá , e que ele também nasceu lá, por isso , seu pai quis manter ele longe de zambézia , para não ter lembranças ruins do passado .
POSTAGEM: Beatriz Fonseca Roca \ GRUPO : afrodescendentes .

Relato sobre postagem de imagens de povos africanos

Hoje , dia 25\04\14 , eu postei 4 imagens de povos africanos , porque acho muito interessante a cultura deles .
POSTAGEM : Beatriz Fonseca Rocha \ GRUPO : afrodescendentes


Relato sobre postegem de imagens de animais

Hoje , dia 25\04\14 , eu fiz uma postagem de imagens de animais africanos , porque eles são muito bonitos .
POSTAGEM: Beatriz Fonseca Rocha \ GRUPO : afrodescendentes .

quinta-feira, 24 de abril de 2014

Relato do conto: A menina sem palavra

Relato do conto: A menina sem palavra

Hoje dia 24, li o conto ''A menina sem palavra''- Mia Couto
O conto fala de uma menina que não sabia expressar as palavras, seus pais não conseguia entendé-la. A menina não era muda, falava em um língua que não se entendia. Ela tinha uma voz muito linda, mesmo sem entender, as pessoas se deixavam levar pela linda voz que ela tinha.
Uma noite o seu pai implorou que a menina falasse com ele, dos olhos do pai cai uma lágrima, a menina o beijou e sentindo o gosto da lágrima pronunciou a palavra ''Mar''.
O pai se espantou e ficou feliz ao ouvir sua filha falar a palavra ''Mar'', ficou tão empolgado que saiu gritando '' Ela disse mar''.  Todos os familiares debruçaram sobre ela, mas nenhum som saia da boca da menina.
Seu pai não se conformou, pensou e pensou e resolver levar a filha para onde havia mar.
A menina chegou no mar e sentou-se na areia, ali ficou simulando pedra sem som nem tom, seu pai pediu que ela voltasse o mar subia em ameaça, mas a menina nem se quer se mexia. O pai rodopiou, dançou, cantou mais acabou desistindo e sentou ao lado da filha.
Seu pai pensou e viu que sua filha só podia ser salva por uma historia e logo acabou inventar uma.
A menina se ergueu e avançou por dentro das ondas seu pai a seguiu. O pai ficou com mede e disse '' Filha venha para trás, por favor''. Mais a menina se adentrou mais no mar. Ela passou a mão pela água e a ferida se fechou, a menina voltou e pegou na mãe de seu pai e o levou a casa.
E os dois, iluminados, se extinguiram no quarto de onde nunca haviam saído.

Isabella s.- Khalil

quarta-feira, 23 de abril de 2014

Relato: O apocalipse Privado Do Tio GueGuê



                                 Relato

Hoje no dia 23/04/2014 eu li um livro muito bom sobre um menino que é abandonado pelos pais, e o tio
dele cuida dele. Mas o tio dele é pertubado, e que o menino ainda sentia falta dos pais principalmente da mãe que as vezes ele sonhava com ela e ficava doente. O tio dele acreditava muito na guerra e tinha até uma bota de lembrança mas o empresario dele levou a bota e afundou no pântano, ele deixou de lado a historia das guerras e virou vigilante, ai o tio dele começou a ir fundo e ficar muito viciado em vigilante que dormia até de farda e tomava chá de água.Quando GueGuê dormia o menino viu uma mulher que pensava que era a mãe dele mas não era, era apenas uma rapariga da cidade dele, que queria ficar lá mas ela tinha as mesmas historias do garoto que o pai e a mãe dela tinha deixado ela nas torres do campo e o menino tinha se apaixonado por Zabelani e o tio GueGuê mandou ela embora, mas o menino ficou com raiva e partiu para cima dele e ele segurou seu braço, depois eles se acalmaram e sentaram para conversar, gueguê pediu para que ele fosse dormir que no dia seguinte ele iria acordar ele cedo e iria te ensinar a desenrascar a vida.
No dia seguinte o tio GueGuê acordou ele cedo e procurou Zabelani e viu que ela já teria sido mandada embora, o tio do menino mandou ele ir roubar as galinhas da Tia Carolina e colocar fogo no galinheiro, mas o menino se recusou. Então GueGuê queria colocar ódio no coração do menino e pegou uma espingarda e deu para ele e pediu para que ele roubasse as galinhas e desamarra-se as cabras. Depois disso o menino foi ao pântano e sentiu algo um sinal que iria lhe acontecer ele via um Ndoé um peixe que os pescadores mataram arrancando a cabeça batendo na pedra naquela hora ele sentiu um aperto no coração e sentiu o sinal se arrependendo de tudo que tinha feito , e o sangue escorrendo na pedra e la se estava a bota os pescadores pegarão a bota examinarão e jogarão para o menino que logo lavou a bota pro dentro e fora em uma poça de água , escolheu uma terra limpa e enterrou a bota como se fosse um funeral , emtão o menino voltou para casa ansioso para contar ao tio dele o funeral da bota e quando ele chega lá o tio Dele Esta enfurecido revirando as sacolas do menino e o menino diz que não pegou nada e o tio dele acredita nele e pergunta o que ele estava enterrando e o menino diz que estava enterrando a bota e o tio dele manda ele esquecer este lixo, então o menino vai até a casa de Zambeline então GueGuê pega a espingarda e coloca balas nela e começa a chorar e fala onde ela esta. Então o menino em disparada atras dela então chegando lá a casa dela já estava encendiada e caída ela já estava morta então o menino perguntou a os vizinhos dela onde ela estava então eles falarão que ela já estava morta e que tio gueguê tinha matado ela então o menino começou a chorar e correu para casa chegando lá ele apontou a arma para o tio dele e o til dele pediu para que ele disparasse então o menino fechou os olhos a atirou sem ver nada só a mãe dele.

Gostei muito da história muito boa me emocionei e achei que o tio dele foi muito covarde com o menino eu acho que muitas pessoas podiam ler que iam se emocionar também.

Nome:Erick Moreira Da Silva
N:09______Dia:23/04/2014____Serie:6B  

Prof: Silvia             

Relato do conto: Muadiê Gil, o Sobral e o barril.

Relato do conto: Muadiê Gil, o Sobral e o barril. 


Hoje 23, li o conto Muadiê Gil, o Sobral e o barril, do livro Velhas Estórias, de José Luandino Vieira. 
O conto é de linguagem africana o que dificulta um pouco o entendimento. No conto contém palavras próprias da África, de variados significados. 
Muadiê Gil, o Sobral e o barril, trata-se de operários,  que cansados de tanto trabalhar, pediram ao chefe, Muadiê Gil, um barril de vinho para relaxarem e saírem um pouco da rotina, Muadiê nega, alegando que a construção não ficaria pronta a tempo. Os trabalhadores não contentes resolveram persistir, Muadiê nega e os trabalhadores mais uma vez pressionam-o. No final de tudo a persistência dos trabalhadores não servira de nada, pois eles só haviam deixado seu chefe irritado, e assim ele não havia feito o que eles queriam.  



Lorrany Alves - 6ª A (Jongo) 

Palavras Africanas

Hoje 23, fiz uma postagem sobre as palavras africanas. Gostei muito de conhecer novas palavras da origem africana pois não é todo dia  que agente ve algo novo.


      Jongo     Thaís

Relato Culinária

Hoje 23, fiz uma postagem sobre culinárias tipicas da Africa, gostei muito pois, conheci variações de alimentos africanos.
A postagem falava sobre uma carne da cultura africana. Gostei  muito pois descubri culturas novas.


        Jongo:   Luana Giovana  Gava

Dicionario

                                                       DICIONARIO

Hoje eu fiz uma publicação muito legal vale apena ver muito legal




kauan

orix

domingo, 20 de abril de 2014

Manana, Mariana, Naninha.

                  MANANA, MARIANA, NANINHA
A história de manana, mariana, naninha encontra-se no livro Velhas estorias do autor José Luandino Vieira.Trata-se de uma menina que nasceu um bairro de Luanda era afilhada de Dona Maria Victoria Calleyros Vaz-Cunha.
 Ela por pura bondade noivou-se com que nem conhecia
Particularmente achei o conto muito confuso  pois ele leva um vocabulário muito própio da África mais o recomendo sim para todos pois se vocês compreenderem melhor do que eu comentem.

"A menina,as aves e o sangue" - Mia Couto

Hoje dia 20/04/2014, eu li o conto " A menina, as aves e o sangue" - Mia Couto.
O conto fala que o coração da menina, batia de vez em quando. Quando o coração voltava a dar sinal, a menina gritava a sua mãe: "Mãe, venha ouvir! está á bater!".
E a mãe contente ia ouvir atentamente o coração da filha,e isso se repetia por muitas vezes. O conto fala que certa noite, a mãe chegara a ouvir barulhos de pássaros no quarto de sua filha, e a mãe assustada sai correndo até o quarto da menina, ela ajoelhou-se junto ao leito da filha, a mãe iria tocar em sua filha, então a menina despertou e disse: "Mãe, que bom, me acordou! Eu estava a sonhar passaros."
A mãe com medo deitou junto com a menina,como se estivesse protegendo a filha de uma maldição;Assim q a mãe se deitou percebeu que uma pena sairá voando pelo ar.Mas que logo fora embora!
A história da menina foi se "expandindo" pela cidade, até médicos questionavam a mãe da menina, mas a mulher se recusava de ajudas.
A menina reclama para a sua mãe:"Desde de dois dias,mãe. Desde disso que não bate"
Ela dizia também que não via mais os pássaros, e que nos sonhos, tudo estava escuro... Nenhum sinal de pássaros.
A mãe, já muito preocupada, decide procurar um médico.Os médicos mal conseguem acreditar na atitude da mãe da menina. Infelizmente os médicos não dão uma boa notícia a mulher e diz:"sua filha já está morta!" 
E a mãe se perguntava:"Como ela poderá morrer assim?"
E o médico vendo toda aquela situação diz a mulher:
"Essa é a maneira dela estar morta."
A mãe votou a casa, quando chegara a menina estava super alegre, dançando, cantando canções que nem se quer existem.
Por todas as noites a mãe ficava acordada muito preocupada, tentando ouvir novamente os pássaros. De dia ela ficava atrás de pistas no quarto da menina, procurando por penas... Mas nada, ela achara nada!
A menina simplesmente estava morrendo do jeito dela.


Juliana - Khalil

Leitura do conto: "A Luavezinha"

Hoje,eu fiz a leitura do conto "A Luavezinha",que fala sobre a Rita,uma menina que sonhava em ser lua para nao ter que dormir,e quando o pai dela terminava de contar uma historia para ela dormir,ela perguntava: E então?
Um dia  o pai dela contou uma história para ela desistir de seu sonho.
A historia conta sobre uma avezinha que queria voar ate a lua, mas as pessoas a desencorajavam. Uma noite ela decidiu voar ate la, mas lá ela não podia cantar e deixou de ter asas e ficou aprisionada na lua. A lua disse que sonhou que ela cantava para a lua.
A parte que eu mais gostei foi que no final da historia a Rita perguntou: E então?

Grupo:Khalil                          Livia

quarta-feira, 16 de abril de 2014

  Após ser resgatada, leoa fica amiga de 

 ativistas na África e estimula criação de  

  ONG


                    

Após ser abandonada pela família ainda filhote, a leoa Sirga por pouco não morreu de fome, em Botswana, na África. Resgatada pelos ativistas da vida selvagem Valentin Gruener e Mikkel Legarth, ela agora divide com eles um carinho peculiar. Além de tratar os rapazes como seus pais, ela os estimulou a criar uma ONG para proteção de outros leões na savana africana.
“Um grupo de leões teve três filhotes. Dois foram mortos antes de Sirga. Ela foi abandonada. Nós não podíamos vê-la morrer”, contou Mikkel Legarth ao Daily Mail. “Nós também não queríamos que ela se tornasse uma leoa de cativeiro, constantemente alimentada por turistas, por isso ajudamos ela”.
Hoje, com cerca de 50 quilos, a felina já caça sozinha e trata os dois homens como faria com outros leões - salta sobre eles, lambe os rostos deles etc. Por isso, ela foi eleita símbolo da ONG Modisa Wildlife, com a esperança de salvar a   população de leões em Botswana.

Valentin e Sirga


O país com pouco mais de 581 km² tem vastas aéreas desertas. Os poucos terrenos férteis têm sido competidos entre leões e 
agricultores. O plano da ONG é mudar os leões que estão entrando em contato com os agricultores para uma grande área protegida, onde eles têm presas selvagens para se alimentar.“Estamos agora à procura de patrocinadores que possam nos apoiar com uma solução de longo prazo para esses animais”, explica Legarth.Sirga conta com o avanço do trabalho do projeto de Valentin e Mikkel para ter um território de caça reservado especialmente para ela e outros animais da espécie.


 globo.com/noticias/animais/apos-ser-resgatada-leoa-fica-amiga-de-ativistas-na-africa-estimula-criacao-de-ong-10682459.html
Dik-Dik-6B

terça-feira, 15 de abril de 2014

"A Fome Na Africa"

O meu relato fala sobre a fome na Africa que é o continente mais pobre do mundo.A África é o continente mais pobre de todo o mundo. Lá a grande maioria da população vive abaixo da linha da pobreza, sendo a fome e a miséria os principais problemas que assolam o povo africano, e podemos dizer que esses problemas são até maiores que os constantes conflitos e guerras pelos quais passam muitos dos países do Continente Africano. Segundo dados da ONU, a cada minuto morrem 5 crianças africanas menores de cinco anos em decorrência da fome, por dia, podemos dizer que 7.200 crianças morrem de fome diariamente naquele continente. Além disso, quando estendemos os dados a população geral daquele continente, somando os casos de vidas tiradas pela fome de adultos, idosos e adolescentes, além das crianças maiores de cinco anos, os dados apontam para quase 20 mil mortes diárias.
 GRUPO: ADAEZAS, POSTAGEM:GABRIELLA

"A Historia Da Africa"

Eu achei interessante a "Historia da Africa" e resolvir postar é bem interessante e legal.A História da África compreende, tradicionalmente, o período desde o aparecimento do homem até a fundação da União Africana. É conhecida no Ocidente por escritos que datam da Antiguidade Clássica. O fato de estar presente o homem no continente africano teve seus primórdios quando se iniciou a era quaternária ou terminou a era terciária. A maioria dos restos de hominídeos fósseis que os arqueólogos encontraram — australopitecos, atlantropos, homens de Neandertal e de Cro-Magnon — em lugares diferenciados da África é a demonstração de que essa parte do mundo é importante no processo evolutivo da espécie humana e indica, até, a afirmação de ser possível que o homem tenha suas origens nesse continente. A história da arte que vai entre o paleolítico e o neolítico tem suas semelhanças comparáveis à de outras áreas dos continentes europeu e asiático, com diferença de locais onde as regiões mais se desenvolveram. A maioria das zonas do interior do continente, meio posto em isolamento, em contraposição ao litoral, tiveram permanência em épocas estagiadas do período paleolítico, apesar de se começar a processar a neolitização do território em 10000 a.C., com uma diversidade de graus acelerados. O Norte da África é a região mais antiga do mundo. O fato de a civilização egípcia florescer e se inter-relacionar com as demais áreas culturais do mundo mediterrâneo teve vínculo estreito nessa região, há milhares de séculos, com que se desenvolveu geralmente a civilização ocidental. As colônias que pertenciam à Fenícia, Cartago, o processo de romanizar o continente, os vândalos que se fixaram e o Império Bizantino que influenciou têm deixado na totalidade da parte da África banhada pelo Mar Mediterrâneo uma parte principal da cultura que posteriormente quem assimilou e modificou foram os árabes, o que foi encontrado pela civilização no continente africano a importância de um campo em que se expandiu e consolidou a cultura muçulmana no Norte da África. As áreas de expansão do Islã foram o Sudão, o Saara e o litoral leste, favorecendo o acompanhamento das rotas de comércio do interior da África (escravos, ouro, penas de avestruz) e o estabelecimento de encraves marítimos (especiarias, seda) no Oceano Índico.[2] Naquela época, era conhecida pela África negra uma quantidade de impérios e estados que floresceram. Estes impérios e estados nasceram de tal forma que os grandes clãs e tribos se submeteram ao poder de um só soberano que era adepto do feudalismo e da guerra. Entre esses impérios de maior importância figuram o de Aksum, na Etiópia, que teve sua chegada ao apogeu no século XIII; o de Gana, que se desenvolveu do século V ao século XI e os estados muçulmanos que o sucederam foram o de Mali (do século XIII ao século XV) e o de Songhai (do século XV ao século XVI); o reino Abomey de Benin (século XVII); e a confederação zulu do sudeste africano (século XIX). Durante o século XV teve início o fato de que os exploradores vindos da Europa tivessem conquistado o litoral do Oeste da África. O que estimulou essa exploração foi o objetivo de buscar novos caminhos para as Índias, depois de os turcos fecharem o comércio no leste do Mar Mediterrâneo. Os colonizadores de Portugal, da Espanha, da França, da Inglaterra e dos Países Baixos participaram da competição para dominar o novo caminho mediante o fato de estabelecerem feitorias no litoral e portos de embarque para comercializar os escravos. Naquela época, foram realizadas as primeiras viagens científicas que adentraram o interior do continente: Charles-Jacques Poncet na Abissínia, em 1700; James Bruce em 1770, procurando o local onde nasce o Nilo; Friedrich Konrad Hornermann viajando no deserto da Líbia sobre a garupa de um camelo, em 1798; Henry Morton Stanley e David Livingstone na bacia do Congo, em 1879. A partir do século XIX, as potências europeias se interessaram por governar e ganhar dinheiro. Esse interesses econômicos e políticos deram estímulo ao fato de penetrarem e colonizarem o interior da África. O fato de desejar a criação de impérios que fizessem a extensão de litoral a litoral teve como rivais o Reino Unido (que conseguiu a ocupação de uma faixa de norte a sul, do Egito à África do Sul, além de outras zonas que colonizou no golfo da Guiné), a França (que se estabeleceu no noroeste da África, em parte do equador africano e em Madagascar) e, em quantidade pequena, Portugal (Angola, Moçambique, Guiné e uma diversidade de ilhas estratégicas), Alemanha (Togo, Tanganica e Camarão), Bélgica (Congo Belga), Itália (Líbia, Etiópia e Somália) e Espanha (parte do Marrocos, Saara Ocidental e encraves na Guiné). A partilha da África teve consumação formal na Conferência de Berlim de 1884-1885, na qual foi firmado que a efetivação ocupacional se principiasse como forma de legitimar a posse das colônias. Foi acarretado pelo regime colonialista que fossem destruídas ou modificadas as estruturas sociais, econômicas, políticas e religiosas da maioria do território da África negra. As colônias que proclamaram sua independência, processo emancipatório que se iniciou após a Segunda Guerra Mundial e que se concluiu de maneira principal de 1960 até 1975, cuja gravidade de problemas de integrar os países ameaçou a hegemonia política das nações africanas. Esses problemas resultaram das fronteiras arbitrárias como legado do sistema colonialista, além da pobreza (o rápido crescimento da população africana é mais elevado do fato de se produzir alimentos). Como dependem econômica e politicamente das antigas metrópoles, a má administração, as tribos e as ideologias que entraram em conflito, o que agravou tudo isso foi o fato de as cidades aumentarem sua população. Estas são as principais barreiras que impedem que os novos países se desenvolvam. Os governos desses países, majoritariamente de caráter militar ou presidencialista, tem tendência à adoção de políticas socializantes que tem por objetivo libertar os países das potências estrangeiras. O fato de os países cooperarem coletivamente para a solução desses problemas deu origem a uma diversidade de organizações supranacionais que se baseiam na ideia do pan-africanismo, ou unificar a totalidade dos povos africanos em torno dos interesses comuns; a mais relevante é a Organização da Unidade Africana (OUA). A discussão deste artigo em linhas generalistas é uma referência à história da África. Para uma história específica dos países em que é dividido o continente, veja os verbetes sobre cada um deles ou também os verbetes secundários sobre a história de cada nação. Sobre o papel que a África exerce na atualidade, veja os verbetes Movimento Não Alinhado, Segunda Guerra Mundial e História do mundo. GRUPO:ADAEZAS POSTAGEM:GABRIELLA

Relato do conto "Tanga Preta"


Tanga preta (relato) Hoje eu li um conto da África que era sobre uma menina que sua mãe morreu fazendo o parto e o pai enterrou com uma tanga branca bordada com uma águia branca, mas o pai dela se casa com uma madrasta que abusa dela. Um dia essa madrasta lhe entre uma tanga preta e fala pra garotinha lavar a tanga ate ficar branca como as nuvens , a garrota vai lavar mas ela logo percebe que a agua não molha a tanga . Ela caminha dias e dias ate chegar em outro rio mas a tanga não se molhava então caminhou meses após meses ate achar um ria ela mergulhou a tanga no rio, e desta vez a tanga se molho , e perto da garota veio uma nuvem com forma de mulher e ela logo percebeu que era sua mãe que lhe deu uma tanga branca para a menina . Chegando em casa a madrasta olhou a tanga de cima a fora mas não havia nada apenas um simples detalhe , uma agua branca, essa águia saiu do tecido e levou a madrasta e a menina feliz cantou e recanto todos os dias. Livro: volta ao mundo dos contos césar augusto grupo : pangolim

segunda-feira, 14 de abril de 2014

DEPOIS DA GIRAFA SACRIFICAM OUTRO ANIMAL SAUDÁVEL



Leões











Depois de chocar o mundo em fevereiro por esquartejar em frente ao público um filhote de girafa de 10 meses de idade, o Zoológico de Copenhague, na Dinamarca, sacrificou nesta segunda-feira quatro leões saudáveis, dois adultos e dois filhotes.
O motivo alegado pelo zoo é o de evitar a disputa de território com um macho recém-chegado. Segundo o porta-voz, a decisão de sacrificar os quatro leões, que eram da mesma família, surgiu depois do zoológico falhar na tentativa de encontrar um novo lar para eles. Diferentemente da girafa sacrificada em fevereiro, chamada Marius, os quatro animais não foram mortos diante do público. "Nem todos os nossos animais são dissecados em frente às pessoas", explicou.
Daqui a alguns dias, o novo macho será introduzido para procriar com duas fêmeas férteis. "O zoológico é reconhecido mundialmente pelo trabalho com essa espécie", disse o chefe executivo do parque, Steffen Straede.

beatriz a. sparvolli 6B

  GIRAFA É MORTA EM ZOOLOGIO NA DINAMARCA



                                   

Um filhote de girafa de um ano e meio em perfeito estado de saúde foi sacrificado neste domingo no Zoológico de Copenhague, na Dinamarca, apesar dos protestos dos defensores de animais.
O filhote, batizado como Marius, foi abatido com uma pistola no início da manhã. Após a morte, o zoológico realizou uma necrópsia, desmembrou o corpo da girafa e usou sua carcaça para alimentar leões do parque, em frente a uma plateia que incluía crianças. Segundo o porta-voz do zoológico, Tobias Stenbaek Bro, o parque não esperava a comoção provocada pelo destino do animal. "As pessoas têm o direito de protestar, mas é claro que nos surpreendeu", disse.
O zoológico explicou na última quarta-feira em seu site que não poderia deixar a girafa crescer para evitar a consanguinidade entre exemplares da espécie. "Nossas girafas fazem parte de um programa de melhoramento genético internacional, que tem o propósito de garantir uma população saudável de animais", disse à rede CNN Bengt Holst, diretor científico do zoológico. "Isso só pode ser feito combinando a genética de diversos bichos com o espaço disponível."


Beatriz de Almeida Sparvolli 6serieB  

Relato: Passeio Ao Zoo Safare

 No dia 10/04/2014 eu e minha turma : 6ª A , fomos para o zoo safare . Nós ficamos  dentro de uma van vendo os animais , mas nós também demos  ração para eles . Tinha muitos animais bonitos e diferentes, como : leão , avestruses , micos (etc). Quando chegava na parte dos micos , a gente fechou a janela , para eles não entrarem na van . Esse passeio foi bem legal !

POSTAGEM: Beatriz Fonseca / GRUPO: Afrodescendentes .

FALCÃO PEREGRINO

Eu achei legal do falcão peregrino a sua velocidade que é de 320 km/h que também é o animal mais rapido do planeta ele mede de 38 e 53 cm de comprimento e pode pesar até 1,5 kg .
O falcão peregrino se alimenta de aves como pombos.


grupo: Madagascar 6°a 

aluno: Diogo n°10